Procrastinação, supere a dor torne-se produtivo

Procrastinação, supere a dor torne-se produtivo

Procrastinação: Quase todos nós somos vítimas do “assassino silencioso”. A procrastinação é um mal global. Todos queremos evitar a dor ou o incómodo de fazer algo que sentimos ser maçador, estúpido, injustificado, duro, complicado, arriscado, possivelmente até emocionalmente doloroso etc… perceberam a ideia. Isso é a procrastinação.

Mas mesmo que saibamos que temos de o fazer eventualmente e que nós apenas nos estamos a enganar, mesmo assim ainda adiamos uma e outra vez. Frequentemente com desculpas que sabemos serem fracas e muitas das vezes falsas. Entramos num círculo vicioso de fazer pouco ou nada, tanto sobre o que queremos como o que não queremos. Ficamos presos e sem reacção. Estão aqui algumas fórmulas para superar a procrastinação e recuperar o tempo perdido na sua caminhada pela estrada do sucesso.

Reconheça que há mais dor em procrastinar do que em fazer o que tem de ser feito.

Se procrastinou muito (como eu) você pode ter descoberto que: Você procrastina para evitar fazer algo aborrecido, difícil, complicado, estranho, novo, diferente. E procrastina essencialmente para evitar essa dor.

Quando já tiver alguma experiência com a procrastinação vai provavelmente perceber que ela lhe causa muito mais dor do que fazer realmente o que precisa ser feito. Compreender a verdadeira quantidade de dor das suas escolhas fará com que mais facilmente supere a procrastinação.

Force-se a fazer o que precisa ser feito antes da urgência surgir…

…a sua auto-estima irá disparar. Da próxima vez que se sentir tentado a procrastinar lembre-se, foi você que se forçou, mas que se sentiu melhor quando deu por terminada a tarefa. Lembre-se da fantástica recompensa que teve quando terminou. Quando se sentir tentado lembre-se disto de forma a seguir em frente.

Crie um fluxo

Em vez de não fazer nada, comece a fazer qualquer coisa. Limpe a sua secretária, remova o lixo, lave os pratos. Basta executar um conjunto de pequenas e simples tarefas para criar um fluxo positivo, “momentum”. Quando está num fluxo que o faz mover, começar o que tem realmente de fazer será muito mais fácil. Limpar também pode ajuda-lo a sentir-se mais motivado. Um ambiente de trabalho desarrumado parece reforçar frequentemente a procrastinação.

Adquira alguma alavancagem

Às vezes nós procrastinamos nas coisas que não são maçadoras, no trabalho ou na escola. Talvez esteja aprisionado, não sendo capaz de dar um passo em frente com medo de alguma dor pessoal profunda. Se está a pensar em mudar de emprego, carreira ou em dar o próximo passo num relacionamento, está provavelmente focado nas coisas que podem correr mal. Tente em vez disso criar alguma alavancagem que o impulsione ou empurre para a frente.

Como? Agarre numa caneta e num pedaço de papel. Aponte todas as coisas que se lembre que irá deixar de ter (não só agora, mas também no futuro) caso não dê esse passo AGORA. Procure dentro de si e sinta a dor que irá ter não só agora mas nos próximos anos quando pensar que a mudança esteve nas suas mãos e que bastaria um simples passo.

Escreva depois todas as coisas positivas e maravilhosas que experimentará se tomar essa decisão, se der um passo em frente na direcção que deseja. Pense sobre elas e escreva todas aquelas coisas que experimentará e sentirá, não apenas nos próximos dias mas num ano, em dois, em cinco anos ou dez. Consiga fazer com que a vara e a cenoura trabalhem a seu favor. E coloque o problema numa perspectiva de tempo mais longo para lhe dar realmente um safanão emocional.

Como comer um elefante? Uma dentada de cada vez…

Não olhe para “o todo” do que tem de fazer. Uma das formas mais comuns de procrastinação é quando nos sentimos esmagados pela quantidade de coisas que temos para fazer. Tente separar aquilo que tem de fazer em pequenas tarefas. Escreva-as como uma lista num pedaço de papel. Centre-se apenas sobre a concretização de uma pequena tarefa ou porção dela. Passe depois para a seguinte. Supere uma etapa de cada vez e não pense em descansar. Antes que se aperceba já estará a meio caminho.

Mude as suas crenças

Os problemas que o colocaram repetidamente num estado de procrastinação podem desaparecer se mudar a sua visão da realidade. Examine as suas crenças. Pergunte-se se poderia ver as coisas de forma mais benéfica e eficaz para si.

Tenha a consciência de que pode escolher a sua opinião sobre si mesmo e sobre o mundo. O passado não é o futuro. Você não tem que limitar a sua opinião baseada em experiências anteriores a menos que queira. Você está aqui agora e pode escolher mudar os seus hábitos.

Faça um pequeno negócio consigo mesmo

Pode fazer assim: Prometa a si mesmo que trabalhará em algo por apenas 5 minutos. Depois daqueles 5 minutos pode ir fazer outra coisa qualquer, se quiser. Mas coloque uma nota na sua agenda de quando é que voltará à tarefa e trabalhará outros 5 minutos nela. Como notas de felicidade, não importa quanto desagradável uma tarefa pode parecer, você pode convencer-se frequentemente em trabalhar mais 5 minutos nela.

Escrevi este artigo para ajudar todos os procrastinadores habituados a praticar a procrastinação de forma intensiva. Sendo a procrastinação um dos desafios que me custou mais superar, espero que as minhas dicas o possam ajudar a superar este difícil bloqueio psicológico ou emocional, para terminar com a frustração e abraçar uma vida preenchida de esperança, felicidade e sucesso.

Pode gostar também de ver:

ErhnaM.com | Em: 18 Maio, 2012
Publicado em Artigos, Desenvolvimento Pessoal com as etiquetas , , , , . Salve o url nos favoritos.

55 Respostas para Procrastinação, supere a dor torne-se produtivo

  1. Ivan Garcia disse:

    Obrigado pelas dicas. Só queria dizer que não gostei; na verdade, odiei a metáfora “Como comer um elefante? Uma dentada de cada vez…”. Não quero comer um elefante. Odiei mesmo que seja só uma metáfora.

  2. Anônimo disse:

    Muito obrigado pelas sábias palavras.. Estou constatando o enorme procrastinador dentro de mim, e isso é doloroso. Vou superar!

  3. Alvaro Henrique disse:

    Muito Obrigado mesmo!! Estou tentando entrar em medicina há dois anos e, nesse segundo ano a procrastinação foi o meu maior erro… Provavelmente vou para o terceiro, porém melhorei demais a minha rentabilidade após ler esta matéria, foi passada de forma simples, realmente me motivou bastante, tanto no momento em que eu lia, como na prática das técnicas passadas. Afinal, psiquiatria é o meu objetivo, a mente humana, causas e consequencias psicológicas me intrigam demasiadamente.. Obrigado novamente!!! rs

  4. Regina disse:

    Pensei que meu problema fosse baixa estima pura e simples, mas agora vejo que vai além disso. Obrigada por compartilhar esse texto conosco. Irei aplicar os passos em minha vida e tenho esperança de que me sentirei uma pessoa mais confiante.

  5. cleu disse:

    Muito boa as dicas. Vou me esforçar para seguí-las. A procrastinção é como um verme , preciso eliminá-lo

  6. Rosa Correia da Silva disse:

    Olá,

    Agradeço imensamente por compartilhar o exercício de mobilização comigo e muitas pessoas que buscaram entendimento para este bloqueio. Não entendia o que é, mas vc identificou os sintomas claramente. Vou morder aos poucos o elefante branco, dando tempo ao tempo. Para mim buscar seu artigo já inicia o exercício do “negocio comigo mesma”. Mais uma vez agradeço por compartilhar de forma generosa uma experiência sua.

    Luz, fé e concentração.

  7. Raul Alves disse:

    Procrastinação afeta a vida de milhares de pessoas , e elas não percebem,
    ver dicas como esta ajudam muito se livrar deste mal.

  8. Popeye disse:

    Parecem-me boas dicas.

  9. jaqueline amaral disse:

    Gente a foto que você colocou diz tudo. É hilário……Aquela pilhas e pilhas de papéis, é bem assim que um procrastinador se sente o tempo todo.Me ajudem…socorro……

  10. vera lucia lacerda disse:

    Gostei de mais desse texto , ando muito desanimada sinto uma sonolencia incrivel. mMas valeu vou procurar me ajudar no que for possivel,. vou seguir os seus ensinos . Obrigado de coraçao

  11. Gilson Jr. disse:

    Muito boas as dicas, sou estudante, elas foram muito úteis, por falar nisso, deixa eu sair da internet e voltar pras minhas tarefas! =D

  12. Aline disse:

    Mudou a minha vida, acho que vou até fazer uma tatuagem.

  13. Acácia Cabral Andrade disse:

    olá, quero dizer que esses passos que você postou vai me ajudar muito,pois sou uma pessoa procrastinadora.
    É difício reconher isso,mas creio que esse é primeiro passo pra mundaça que devemos fazer.
    vou seguir cada dica
    obrigada.

  14. Santos De Jesus disse:

    Ja havia lido sobre o assunto num artigo em ingles, porem gostei da forma simplista que foi aqui colocado. Pessoalmente ainda estou enfrentando esse problema mas decidi lidar com o mesmo de forma suave, ou seja evitando mudancas bruscas em minha rotina pois estou consciente que so pioraria a minha situacao, e esta resultando!

  15. Neto disse:

    Sensacional o seu texto e um dos melhores que já li sobre o tema… como é bom ter a internet e ter acesso fácil a textos que foram escritos há anos! Um grande abraço!

  16. Carlos Henrique disse:

    Ótimo artigo e sem dúvida muito útil.
    Obrigado pela iniciativa.
    Um grande abraço.
    Carlos Henrique.

  17. Douglas disse:

    Este foi um dos textos mais perfeitos que li nos últimos tempos. Eu que tenho mestrado, doutorado e PHD em procrastinação posso dizer que a abordagem foi perfeita do ponto de vista de um procrastinador. Vou colocar em prática agora mesmo esses aprendizados.

    Obrigado e parabéns

  18. Adriana disse:

    Sabia que se passava algo de errado comigo,não sabia propriamente o que? Desconhecia o significado da palavra “procrastinação “…bem que a sinto na minha vida…Obrigada pelo artigo…valeu a pena ler.Vou tentar livrar-me destas correntes.

  19. Evanio disse:

    já venho sofrendo a muito tempo com esse problema mas so hoje procurei me informar sobre o que estava acontecendo com minha cabeça. Nunta tinha ouvido falar nesta palavra “PROCRASTINAÇÃO”, achava que era um problema isolado.Esse seu post me esclareceu muito sobre o assunto e agora vou lutar contra minhas limitações. Obg, muito bom, parabéns!

  20. ULISSES VICENTE NEVES NETO disse:

    SALVE, GENTE !SALVE , EDGAR !

    Li quase todos os comentários e acho que devo tentar dar minha contribuição. Não sou psicologo mas, ao longo de minha vivencia descobri muita coisa em relação a adiar o trabalho, qualquer que seja a tarefa. Já fiz muita terapia e descobri que meu caso era advindo de um trauma de um trauma que bloqueava tudo que poderia me dar prazer. E trabalhar com o que a gente gosta dá prazer ou mesmo ver um projeto concluido.
    Pois, bem, vejo a procastinação neste sentido; como algo que bloqueia as pessoas a se movimentar, realizar. Vejo como um tipo de depressão, em alguns mais forte , em outros menos. E os passos que voce sugere são importantes , mas se o problema for mais serio, a teoria por si não resolverá.
    Sugiro pois, que além de procurar terapia, as pessoas iniciem a utilizar tecnicas respiratórias, tais como yoga, tai chi chuen ,terapia na linha bioenergética , reichiana, reiki, ou mesmo ginastica em academia , natação. Mas de preferencia tecnicas onde se ensine o controle da respiração, pois, isto trás energia para romper nossos bloqueios internos. Se o bloqueio for simples o caso se resolverá rápido, mas , se for mais complexo agirá no sentido de auxiliar com um suprimento de energia que falta, que é exatamente o que nos deixa prostrados , sem vontade para qualquer trabalho. É bom sabermos que o ar que respiramos possui toda a energia que precisamos e os nossos bloqueios consomem parte desta energia nos deixando sem aquele ímpeto, aquela motivação, e por isso estamos sempre adiando.
    É por esse motivo que dizem que “quem canta seus males espanta ” pois cantando estamos trabalhando a respiração, ingerindo grande quantidade de prâna, energia vital, e ao mesmo tempo trabalhando o corpo com o som. A musica neste sentido é poderosíssima; a boa música é claro!
    É isso aí , galera, sugiro que comecemos a respirar com vontade e aí verão que algo diferente começa a acontecer.
    Um abraço ao Edgar e parabéns pela iniciativa.
    ULISSES

  21. francisco mecanico disse:

    hoje eu realmente me encomtrei, primeiro eu queria agradecer e cumprimentar a pessoa que escreveu este texto . eu percebi realmente a minha falha .
    atraveis deste texto tentarei ou melhor consequireie me organizar .
    fico feliz em saber que na net ainda podemos encontrar boas coisa.
    para bens . pelo texto e muito obrigado pelos conselhos nele dado .
    !!!!!!!!!!!!!!!!!!!VALEU!!!!!!!!!!!!! MESMO!!!!!!!!!!!!!!!
    obs: desculpe os erros de ortografia

  22. tecido kimono disse:

    Nossa quanta informação legal, valeu mesmo!!!!

  23. fernanda disse:

    Limpe a sua secretária, remova o lixo, lave os pratos: essa é a minha procrastinação

  24. Sérgio disse:

    Valeu cara, eu nem sabia que o nome do que eu tinah era esse =D

  25. Tubarão do Mau disse:

    Sou um procrastinador tipo tenso-nervoso.Eu levo uma vida repleta de coisas deixadas para mais tarde.Estou sempre em grande depressão com a vida me negativando e nunca pensando positivo.Seus Passos infelizmente não me foram de nenhuma ajuda visto que tudo que ai está escrito nada mais é que o Óbvio e eu simplesmente nao consigo realizar nenhnuma dessas funções.

  26. Evandro disse:

    São de grande ajuda estas palavras.

  27. Belinha disse:

    Fiquei estupefacta com o que li sobre os sete passos para vencer a procrastinação. Desconhecia completamente esta palavra e sua implicação na nossa vida.
    Se é uma doença, eu padeço deste mal, que me tem aprisionado há muito tempo. Mas meu espanto vai mesmo para o facto de ter um nome, “aquilo” a que eu dava tantos nomes e que me faziam sentir cada vez mais desesperada.
    Vou ter que actualizar meu dicionário, e consequentemente meus conhecimentos sobre a procrastinação.
    Bem-haja!!!

  28. Goodkat disse:

    Descobri hoje por um amigo que tbm tem, que tenho essa doença!
    É horível a situação do medo, é bem como você descreve! E tbm acho que a dor da indecisão seja maior do que a emocionalmente sentida se tudo der errado!
    Vou seguir as dicas! Muito obrigada mesmo!

  29. Samuhel disse:

    Muito obrigado, acho que pelo menos 10% da minha vida ou mai seu passava procrastinando. :/

  30. luisinha disse:

    ah e obrigado ao autor pelo blog esta muito interessante vou sugerir aos meus amigos q precisem ou q conheçam pessoas q estejam nesta situação. Espero q consiga atingir os seus objectivos…

  31. luisinha disse:

    pois de facto o blog esta fixe! é motivador e até ajuda, mas lá está a motivação para fazer isso é preciso. akela motivação que nos faz andar para a frente. e a verdade é quando a gente deixa muitas vezes o passado ao de cima, e envolve-se nele de forma q nem se aperceba que o presente lhe corre á frente dos olhos…eu digo isto no meu caso, é um bocado dificil pa mim,é q eu já ando nisto há um BELO tempo! se e q me entendem, e sempre q tento fazer isto pa melhorar os meus habitos acabo sempre por voltar á estaca zero,estao a entender me? sim deve se continuar a tentar, e é o q vou continuar a fazer, mas como é claro não vai ser hoje nem amanhã, mas um dia…tenho esperança q sim…se nos esforçarmos…não é pessoal? see ya guys

  32. @Fernanda: O seu problema estará possivelmente relacionado com a auto-estima, mas só será possível sair desse estado letárgico com acção muita acção… Comece com coisas pequenas que lhe dão algum prazer. E aceite sempre que não consegue dar o primeiro passo, se ficar chateada com a sua falta de motivação irá arrastar aquele momento passado para o seu presente e a angustia não passará facilmente. Permita-se falhar, aceite o momento e viva apenas o agora que é a única coisa que realmente existe. Verá que quando viver apenas o agora e se desligar do passado e do futuro o seu agora terá muito mais poder e irá conseguir deixar de procrastinar.

    Pode ler mais algumas dicas no novo espaço que criei para o desenvolvimento pessoal: http://marketingpessoal.org

    Um grande abraço e todo o sucesso.

  33. Fernanda disse:

    Edgar
    Existe uma fase na procrastinação onde vc nega dar os primeiros passos? Eu sei que depende de mim, da minha boa vontade, sei que ao final do dia terei a sensação de dever cumprido… Mas a vontade de procrastinar é superior a tudo isto, mesmo sabendo que a angústia não passará desta forma. Gostaria de saber se pode existir o tempo de cada um para resolver sair deste ciclo?

  34. André disse:

    Muito bom! Estava precisando mesmo de uma orientação como esta!
    Muito obrigado!

  35. Pingback: Bottom Xadrez – Sobre a maldita PROCRASTINAÇÃO!

  36. Daniel disse:

    Excelente matéria. Me deu o animo que precisava.

    Cheguei a um ponto de não conseguir fazer mais nada seja na faculdade, casa ou trabalho.
    Não sabia mais o que fazer, tudo parece grande demais (e olha que tenho 1,83m rss).
    Resumi os 7 passos e amanhã começo a por em prática.

    Obrigado pelo norte!

    Daniel

  37. Alceu disse:

    Muito legal mesmo,posso colocar essas dicas no meu blog?

  38. Poxa é verdade. Descobri que sofro com isso também. Vou começar a trabalhar nela com base nas suas dicas(ótimas por sinal). Puta que pariu, valeu mesmo!!
    Absss

  39. fatima milfont disse:

    desobri que sofro desta doença.anotei os 7 passos e espero cumpri-los.

  40. Alan Motta disse:

    Eu ia colocar um comentário aqui, mas tá tarde e tô cansado, amanhã eu volto…

  41. Peterson disse:

    Sensacional a matéria!!!!!!! valeu… Vi eu escrito ai… Saco! hauhauhauhauahua…

  42. Artigo de grande ajuda! Realmente me ajudou bastante!

    Obrigado!
    .-= Felipe Celline´s last blog ..Dos Prazeres Humanos Não Divinos =-.

  43. Jorge Santos disse:

    Adorei este texto, anteriormente li sobre procrastinação na Wikipedia e percebi que sou um procrastinador nato isso me deixou um pouco abalado mas agora estou buscando métodos para vencer este mau e o primeiro passo já foi dado lendo seu texto.
    .-= Jorge Santos´s last blog ..Mobile Marketing já ouviu falar? =-.

  44. jusce disse:

    DEZ! estava procurando as palavras para explicar a uma amiga porque não queria ofendê-la – =me dizem que às vezes sou grosseira para dizer as coisas, e eis que encontro esta excelente “janela”.

  45. Adriana Q. disse:

    É tão difícil admitir esta sensação, esta atitude, esta dificuldade. Sinto me confortada por saber que não sou a única com este problema. Anotei as 7 fórmulas e tentarei segui-las.

    Obrigada. God Bless Us!!!!

  46. João disse:

    Mudei minhas crenças! agora ou ateu! acabou minha procastinação

  47. Gabriel M. disse:

    Citei seu post no meu blog (http://byotechnica.blogspot.com/), show de bola seu trabalho, muito bom mesmo!
    Um grande abraço.

    Gabriel M.

    Veja o meu ultimo post Como superar a procrastinação (atraso de atividades e idéias) em 7 simples passos

  48. Koba disse:

    Quero agradecer, pois isso é um grande problema na minha vida. Eu descobri que isso era uma “doença” quando por acaso assisti um vídeo no YouTube e me senti completamente nocauteado.
    Neste momento da minha vida estou superando de várias formas esse nosso problema, pois ele nos faz sentir medíocres, pequenos, incapazes, quando na verdade ele oculta de nós, nosso próprio poder, ele está a funcionar como um cadeado que segura nossos maiores poderes.
    Do fundo do meu coração agradeço, e juro tentar seguí-los e me desamarrar completamente de procrastinar.

    Grande abraço!

  49. Stella Dauer disse:

    Citei seu post no meu blog, o Abrindo o Livro (http://abrindoolivro.wordpress.com).

    Está muito bom!
    Stella Dauer

  50. Pingback: Muito para fazer, em pouco tempo « Abrindo o Livro

  51. Angela dos Santos disse:

    Edgar Pina, Adorei seus posts. Maduros, interessantes, linguagem atual, sem rigorismos, mas profundos.
    Temas realmente “procrastinantes” mas que merecem a leitura, atenção e “AÇÃO”!
    Parabéns, vc é uma pessoa de AÇÃO! Vou ler outros artigos seus!

  52. Pingback: Sedentarismo na blogosfera, mito ou realidade? | PTeuros

  53. Pingback: Sedentarismo na blogosfera, mito ou realidade? | Fique Rico Online

  54. Marina disse:

    Muito prático!
    Gostei do modo como vc colocou a coisa…

    Tks

  55. É verdade, às vezes precisamos de um empurrãozinho, algo que nos motive. Muito bom seu post, vou tentar seguir essas dicas.

    Bjuuu e boa quarta pra ti.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>