Sinta-se miserável em 12 simples passos

Sinta-se miserável em 12 simples passos

Eu cheguei finalmente à conclusão que algumas pessoas gostam de se sentir realmente miseráveis, e que se sentem realmente mais felizes quando são miseráveis. Estou certo que isso é uma contradição, mas estou a supor que você sabe o tipo de pessoas a quem me estou a referir (todos conhecemos pelo menos uma pessoa que gosta de se sentir miserável). Após muito deliberar sobre o assunto cheguei à conclusão que seria falta de consideração para com essas pessoas se não as tentasse ajudar com alguns conselhos para terem realmente o melhor (pior?) dia das suas vidas. Naturalmente eu compreendo que estes conselhos não se aplicam a si, mas se conhece alguém que está sempre à procura da melhor forma de se sentir miserável, então faça um favor ao seu amigo e indique-lhe este artigo. Se está preparado para entrar no caminho da miséria eu estou pronto para o ajudar.

1. Lamente-se e queixe-se sobre tudo o que você não controla

Os grandes exemplos são o tempo, atitudes de outra pessoa, o mercado imobiliário e principalmente do governo. Não perca nunca uma oportunidade de relembrar os outros que a vida é muito pior do que eles imaginam.

Elabore o seu ponto de vista dando lhes uma longa lista de exemplos de coisas que estão mal no mundo e porque é que era melhor durante a ditadura ou durante a sua juventude faça-os sentir realmente o seu ponto de vista.

2. Acompanhe assiduamente a “imprensa cor-de-rosa”

Todos nós sabemos que as celebridades têm vidas de encantar, perfeitas. Não ficam nunca doentes; têm rios de dinheiro e são seres humanos perfeitamente equilibrados. Leia tudo sobre as celebridades, anseia por ser uma celebridade e sobretudo trate-os como deuses. Nunca se esqueça que sua vida é um travesti realmente miserável e sem sentido comparada com a deles.

3. Seja um mártir e nunca coloque as suas próprias necessidades em primeiro lugar

Certifique-se de que o seu esposo, os miúdos ou mesmo o homem do correio são mais felizes que você. Essas pessoas são de longe mais importantes do que você, mostre-lhes isso negligenciando-se esta é uma das melhores formas para se sentir miserável. Não se preocupe se adoecer ou morrer porque apenas cimentará a sua posição na Classificação do Mundial de Mártires (competição bem mais conhecida que o Mundial de Futebol).

Se cometer um erro, relembre-se constantemente não permita sentir realmente que o erro caia no esquecimento. Se por algum motivo descabido cair na tentação de ter pensamentos positivos, suprima-os, e diga então algo do tipo “seu monte de m***** quem é que tu julgas que és?”, a frase de quem é realmente miserável.

4. Julgue os outros

Não liga quando lhe dizem que não pode julgar o livro pela capa. Se não tem tempo para ler como é que vai criar a sua opinião? A única forma é olhar de relance para a capa. Se são gordos então comem demasiado, se fumam são estúpidos e se estão desempregados então é óbvio que são preguiçosos. Os soldados, os cirurgiões e os atletas têm que decidir rápido, porque é que você não pode?

5. Coma comida rápida, de plástico, beba muita cerveja e nunca pratique desporto

A fruta e a verdura fresca é para os maricas que têm medo de comer um quadruplo delux com extra tudo e 62 tipos diferentes do queijo. E provavelmente não conseguem beber de penalti 10 cervejas de uma vez nem comer sozinhos uma pizza de 21′. Uma dieta equilibrada e exercício físico moderado podem ajudá-lo a sentir-se mentalmente e fisicamente em forma. Quem precisa disso pergunto eu?

Mantenha-se fiel aos seus princípios e ignore esses fascistas como se de uma praga se tratasse. Apesar de tudo, se você praticar exercício para ficar em forma então terá de permanecer em forma e isso exige perder algum tempo, que você precisa para ver mais televisão. Não se deixe levar. Televisão é bom, exercício físico é mau.

6. Veja mais televisão

Se você está a ver apenas 8 horas por dia de televisão isso claramente não é o suficiente, tente aumentar um pouco esse número. Opte por uma dieta de Reality Show’s, de telenovelas e de um qualquer programa em que os concorrentes sejam humilhados. Evite os programas que possam ser remotamente informativos, informação a mais faz mal à cabeça.

7. Recuse ver o ponto de vista de outra pessoa

Se você tem uma opinião, agarre-se a ela. Você passou anos e anos a afinar o seu “sistema de opiniões” portanto defenda-o até à morte. Ninguém gosta de pessoas inconstantes, fracos de opinião ou vira casacas, não deixe que uma coisa tão simples como a evidência que o contraria persuadi-lo de que você pode estar errado.

Mesmo quando perceber que está errado, regateie de qualquer maneira com um olhar confiante. Se isso não funcionar, pode sempre levantar a voz.

Como se pode sentir realmente miserável em 12 simples passos.

8. Seja um adepto das catástrofes

Você não teve um mau dia no trabalho foi antes um pesadelo. Você não ficou apenas doente, ficou extremamente doente à beira da morte. Você não tem um patrão difícil de lidar, tem a encarnação do diabo como patrão. Percebeu a mensagem?

Se há algo que o pode fazer sentir-se mal, então vale a pena sentir-se extremamente mal. Nunca use expressões como “não é assim tão mau” ou “ainda existe esperança” que servirão somente para diminuir o impacto dos eventos negativos e nós precisamos é de os aumentar.

Quando se tornar realmente hábil nisto, pode sempre começar a disparar frases como “eu estava extremamente doente e o meu patrão vindo do inferno transformou o meu dia num insuportável pesadelo”. Tente repetir esta frase para tudo o que mexer.

9. Jogue no Euromilhões, Totobola, Totoloto, Lotaria…

Você sabe que como as coisas estão nunca terá muito dinheiro, portanto elabore os seus planos de futuro na possibilidade de ganhar o primeiro prémio com 1 em 100 milhões de possibilidades ou mais. Se gasta normalmente 5€ por semana não esqueça de aumentar a parada para 25€ quando há jackpot.

Vamos ser realistas, você esforçar-se-ia para sobreviver com os 5.000.000€ que é o prémio semanal, mas para ter uma vida condigna necessita realmente do jackpot de 25.000.000€. Infelizmente para você, há os jogadores casuais que não lhe agrada o prémio normal e só jogam quando é jackpot. Nesses casos precisa de aumentar a parada para fazer face à concorrência.

Este pode ser um super prazer para os amantes da miséria, se mantiver um registo do que gastou, no final do ano some tudo o que gastou e faça uma lista das coisas que podia ter comprado com esses 1.000€. Melhor ainda, pergunte a um perito em finanças quanto é que essa quantia poderia render daqui a 10 anos se fosse investido correctamente. Fantástico e deliciosamente deprimente.

10. Mantenha-se à deriva

Nunca crie um plano para a sua vida! Procure um emprego que pague o suficiente e nuca mais que isso depois gaste tudo em bens supérfluos. Não se preocupe, tem ainda mais 8h ou mais para se divertir. Bem eu digo 8 horas, mas estou a deduzir que não terá de fazer compras, limpar a casa, conduzir até ao trabalho onde terá obviamente de enfrentar o trânsito, trabalhar umas horas extras etc… mas quem é que gere o tempo?

Nunca procure um part-time, isso é para os pobres desesperados. Sempre que surgir a oportunidade de ter o seu negócio tente sempre pedir uma opinião ao seu amigo mais encalhado, vai ver que a resposta o vai deixar seriamente motivado.

11. Mentalize-se que sem um curso superior você é um “zero à esquerda”

Na história do mundo, nunca ninguém foi bem-sucedido sem ter estudos, quem não tem estudos é realmente miserável. É ilegal na maioria dos países. Se não terminou pelo menos o 12º ano é incapaz de ter sucesso em nada com a excepção de dar serventia a pedreiro ou fazer hambúrgueres.

Desista de encontrar um trabalho aceitável ou criar o seu próprio negócio para evitar o desapontamento futuro. E sempre que surgir a oportunidade de ter um emprego melhor lembre-se que só pode ser uma armadilha do seu patrão para se conseguir livrar de si sem ter de pagar uma fortuna de indemnização. Mantenha-se agarrado à segurança como uma lapa, é a única coisa que pode fazer quem não tem estudos.

12. Não aceite elogios

Se alguém o felicita por qualquer coisa só pode ser para lhe pedir alguma coisa em troca. Não é possível ser assim tão genuíno, estão claramente a tentar manipulá-lo, não descanse até descobrir a verdadeira razão para tal manha. Ninguém dá nada a ninguém sem ter algo a ganhar.

Você tem biliões de coisas para fazer, portanto se falhar em qualquer coisa, desista, procure fazer qualquer coisa que lhe dê gratificação imediata. Se o tentarem incentivar a voltar a tentar com elogios manhosos não se esqueça que está apenas a perder o seu tempo, porque se fosse para conseguir teria conseguido da primeira vez.

Agora que você sabe mais alguns truques para se sentir realmente miserável do que era antes espero que consiga por em prática o que aprendeu, boa sorte. Vou supor que existem pessoas que ao lerem isto prefiram estar felizes, para esses podem sempre fazer apenas o oposto. A escolha é sua.

Vai gostar também de ver:

12 Respostas a “Sinta-se miserável em 12 simples passos”

  1. Como tudo na vida, este artigo é incompleto. Você deve saber todas as catastrofes que aconteceram mundo a fora, a final de contas, quantos suicídios, homicidios, crimes de trânsito, estrupos e serial killer. E a roubalheira: só é rico neste país canalhas, corruptos ou mulher que pousa nua. Além do mais tem os animais torturados. Fazer provas para a admissão de um emprego é pura perda de tempo, a final de contas é um jogo de cartas marcadas. A humanidade é podre. Para que se arrumar, o interior da pessoa está cheio de imundices? Pra que se alfabetizar, só para ler as desgraças do jornal. Falar nisso, você leu o de hoje. Se espremer sai sangue.

  2. muito bom adorei.

    =D

  3. ahahahahaha, e não esqueça, a máxima de um miserável é: ” – Se as coisas estão ruins, lembre-se pode ficar pior!!! sempre ficar pior!!!”

  4. Muito boa, as 12 recomendações do miserável; acho que quando o faz a leitura,
    perceber o pessimismo……………..

  5. Muito bom esse texto. Trata-se de um roteiro que não devemos seguir…

  6. Magnifico! pocurava algo que me motivasse e deparo-me com este texto, adorei, obrigada pela motivação…. Muitas vezes, é mais facil encontrar uma resposta para o que queremos nas coisas que não queremos…ahahahah!

  7. bem adorei este artigo,fartei-me de rir,ate melhorou o meu humor…:)

  8. nossa…não me lembro de ter sido apresentada à voce…pegou meu raio x…

  9. Bom eu venho procurar apoio pra mudar a minha vida sim eu sou daquelas pessimistas e que sempre pensam no pior e numa conversa digo ‘eu nao vivo, sobrevivo’ e alguem me diz “e aqueles que morrem de fome?” desatei a chorar e vim procurar apoio pra “aprender” a viver melhor e gostar mais de mim e aprender a fazer mudanças pequenas mas significativas na minha vida, e derepente caiu aqui, e isto fez’me sorrir porque o que eu penso na maioria das vezes acabei por ver aqui o quando isso é idiota e começo a ver que posso fazer coisas melhores do que ficar a chorar num canto porque nao consigo avançar nada de bom nem arranjar sequer um part time por nao ter o 12°.. Obrigada este artigo realmente deu-me força. Obrigada (:

  10. eu vou dar para ser miseravel para ver se alguem gosta de mim!

  11. Eu estava mesmo precisando de uns conselhos ,para ser miserável de verdade,pois tudo faço é para agradar as pessoas, as pessoas ,querem a minha ruína e só faço o bem e mesmo assim,sou considerada como miserável.Minha sogra mesmo ,tentou me matar ou me deixar maluca,quando tive bebê, ela me disse: Que pensou que eu não iria sair da maternidade viva,após ter tido infecção no parto, se passou como uma namorada de meu marido ,usando do celular dele, após o meu parto, acuso-me de roubo,pois trabalhei de graça para ela ,no restaurante dela e ela nunca me pagou pelo meu serviço, mesmo e eu grávida e mesmo assim recebí ela em minha casa com a maior educação para não magoar o meu esposo. Quebrei o meu resguardo fazendo tudo em casa após ter tido bebê e a infecção,fazia tudo dentro de casa e até hoje faço ,para meu marido achar tudo pronto ,resumindo sou a Amélia , mas ele diz que eu sou miserável. O que vocês acham?

  12. Mari Figueiredo, sinceramente, eu acho que você deveria levantar a sua cabeça, por que se você realmente fosse uma miserável você não estaria viva aqui, você é uma vencedora, nunca se esqueça disso. Ser mãe é como ser uma heroína, sempre protegendo os seus filhos do mau. E por mais que o seu marido, a sua sogra ou qualquer pessoa te ache um fracasso você não é. Não pense assim, se a sua sogra fez isto com você, deixa ela. Você não conhece aquele verbo popular? “Aqui se faz, aqui se paga”. Ela vai pagar, e Deus vai dar a recompensa para cada um de nós, de acordo com o que realmente fizemos. Lembre-se felizes daqueles que choram, pois serão consolados.
    Este texto me iluminou, me trouxe esperança, força, determinação. Eu sempre achei que não era a melhor pessoa deste mundo, mas agora eu sei, aliás, eu sempre soube, que cada um de nós dependendo de nossos estados sentimentais, somos vencedores…
    As pessoas felizes são vencedoras, as pessoas tristes são vencedoras, mesmo achando que não, as odiosas, as deprimentes e melancólicas… todos nós somos vencedores… Sempre… Este texto é tão surreal, mas nos mostra que mesmo que nos achemos perfeitos fracassados Deus sempre irá mandar alguém para ser um anjo, para estender a mão e nos levantar!

Deixe o seu comentário