Pensamento criativo ou resolução criativa de problemas.




Porque os problemas na grande maioria das vezes só se solucionam com alguma ponderação, apresento-lhe o pensamento criativo e a sua aplicação na resolução criativa de problemas.

Quantas vezes não deu por si a afirmar que não existe outra solução para um determinado problema – e que esse problema leva a um poço sem fundo? Quantas vezes se sentiu impotente perante um problema, sem opções ou soluções?

Alguma vez sentiu ter explorado todas as opções possíveis e, mesmo assim, não ter alcançado a solução? Ao deparar-se com vários problemas, poderá sentir que está a martelar numa montanha de ferro. A pressão de ter de resolver um determinado problema é esmagadora.

Técnicas de resolução de problemas




Com algumas técnicas de resolução de problemas, poderá ver os problemas de uma maneira diferente e ver a luz ao fundo do túnel, que lhe traz possíveis soluções.

Em primeiro lugar, à luz da resolução criativa de problemas, deverá ter a mente aberta para o facto de poder haver mais do que uma solução para um determinado problema. E deverá aceitar o facto de que podem existir soluções para problemas que julgava impossíveis de resolver. Agora, com este pensamento positivo, podemos tentar ser um pouco mais criativos na resolução de problemas.

Número um

Talvez a razão para não conseguirmos resolver os nossos problemas seja ainda não termos analisado com atenção o problema em si. É essencial tentar entender o problema e ter um conhecimento concreto dos factos. Se souber como o problema funciona, no que consiste, então construiu um fundamento para a sua resolução. Não tente reduzir o problema a uma frase. Tente identificar as entidades participantes e as suas relações entre si. Tome nota daquilo que tem a ganhar e do que tem a perder com a situação. Agora sim, tem um resumo do que consiste o problema.

Número dois

Tente tomar nota de todos os constrangimentos e suposições. Por vezes, são estas suposições que obstruem a visão das possíveis soluções. Deverá identificar quais as suposições válidas e quais devem ser analisadas.

Número três

Tente resolver os problemas por partes. Parta de uma visão geral para uma visão detalhada de cada parte do problema. Este método é denominado de top-down. Escreva a questão, e tente formular uma solução de uma única frase, a partir dessa mesma questão. A frase deverá consistir numa solução geral para o problema. A partir desta frase, poderá desenvolver a solução, posteriormente, e aumentar gradualmente a sua complexidade.

Número quatro

Apesar de o pensamento crítico ser útil na resolução de um problema, também deverá manter um pensamento criativo e analítico. Quando alguém apresenta uma proposta de solução, tente perceber como poderá fazer com que essa solução seja eficaz. Tente ser criativo. Do mesmo modo, procure identificar as falhas dessa mesma proposta.

Número cinco

É importante relembrar que podem ser desenvolvidas várias soluções ao mesmo tempo. Tente acompanhar todas as soluções e o seu desenvolvimento. Lembre-se que pode haver mais do que uma solução para um determinado problema.

Número seis

Lembre-se do velho ditado «duas cabeças pensam melhor do que uma». Isto é mais verdadeiro do que pensa. Esteja sempre aberto a novas ideias. Ouvir as ideias dos outros só lhe trará benefícios. Isto é especialmente verdadeiro quando a pessoa que o aconselha já passou por problemas similares aos seus. Você não tem de ser um herói solitário na resolução do seu problema. Será bastante melhor se conseguir obter vários tipos de pensamento criativo sobre o assunto.

Número sete

Seja paciente. Enquanto for perseverante, irá sempre existir a oportunidade de surgir uma solução. Lembre-se de que ninguém cria nada de novo à primeira tentativa, por vezes são necessárias várias tentativas e de diversos ângulos diferentes.

Exercícios criativos que ajudam a resolver problemas de forma criativa

Eis um exemplo: pegue num pedaço de papel e escreva, no seu centro, uma palavra qualquer. Agora, observe a palavra que escreveu, e escreva as primeiras duas palavras que lhe ocorrer. Isto poderá continuar até ter construído uma árvore de palavras. Esta tarefa irá ajudá-lo a desenvolver as suas capacidades analógicas e a fortalecer o seu processo criativo.

Portanto, a próxima vez que se deparar com um problema que acha que não consegue resolver, pense de novo. A solução pode estar mesmo à sua frente, sendo apenas necessário algum pensamento criativo, planeamento, e imenso trabalho.

3 comentários

  1. estuo cheio de problema metais.
    falta de constraçao nas minha atividade, muita votade de sexo. tenho vicio de cigarro. e bebo. por favor mi ajuda.

Deixar uma resposta